Debate já é antigo, mas ainda falta união de parte da indústria.

Já faz alguns anos que o debate sobre a rastreabilidade de medicamentos está em pauta, assim como a discussão sobre sua implementação, benefícios e melhorias posteriores. No Brasil, o processo ainda caminha lentamente após a aprovação da lei de rastreabilidade, pela Anvisa em 2017.

Atualmente, existem em torno de 50 países com regulamentos e requerimentos similares ao que a Anvisa publicou no País e o mundo vem discutindo esse tema, de segurança do paciente, uma preocupação real de toda a indústria.

Já conhece as tendências de logística 4.0 para os próximos anos? Saiba mais sobre cada uma nesse artigo.

De acordo com Marcelo Sá, executivo de negócios da GS1 Brasil, a melhor forma de garantir que o processo de rastreabilidade aconteça é a integração da cadeia farmacêutica. “A tecnologia existe. A remodelação de processos, as empresas conseguem fazer facilmente, o que está faltando é conversar”, afirma.

Quer ter acesso a mais assuntos como esse com os melhores especialistas? Então, clica no botão abaixo e saiba como não perder nada!

QUERO MAIS CONTEÚDOS DE ESPECIALISTAS

 

Talk NMB
Content Team

Escreva um comentário